Image
Image

CONGRESSO INTERNACIONAL DE SEGURANÇA INTEGRADA: ESTRATÉGIAS PARA O SÉCULO XXI

BOAS-VINDAS

Bem-vindo à página do CISI – Congresso Internacional de Segurança Integrada, organizado conjuntamente pelo ISEC Lisboa – Instituto Superior de Educação e Ciências, pelo ISEL - Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, pela ESTeSL - Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa e pela Revista Segurança. O CISI decorrerá no Auditório da FIL em Lisboa nos dias 8, 9 e 10 de maio de 2019. Contamos com a sua presença e participação!

A Comissão Organizadora.

SOBRE O CONGRESSO

O CISI - CONGRESSO INTERNACIONAL DE SEGURANÇA INTEGRADA: ESTRATÉGIAS PARA O SÉC. XXI pretende constituir-se como um espaço alargado de reflexão, de debate e de troca de conhecimento sobre as diferentes dimensões da Proteção e Segurança, contribuindo para a construção de soluções inovadoras e disruptivas face às ameaças e desafios das diferentes áreas estruturantes da Proteção e Segurança, porque é no presente que se estabelece a nossa existência e onde se determina aquilo que será o nosso futuro.



O Mundo de hoje caracteriza-se por uma informação que circula em tempo real e onde a importância da opinião pública e publicada é crescente.

O desenvolvimento das sociedades, muitas vezes excessivo e até autista face às regras do planeamento, do ordenamento do território e do conhecimento consolidado, são hoje um problema acrescido, assim como os fenómenos ligados às alterações climáticas, que sofreram no último século uma forte aceleração, tornando-as numa das maiores ameaças com consequências profundas e transversais.

O risco está sempre presente. A evolução civilizacional, em todos os seus aspetos, conduz a uma constante e cada vez mais premente procura de segurança. E essa procura tem que ser alicerçada em conhecimento, em investigação, em concretização de soluções.

A fantástica evolução tecnológica registada nos mais diversos domínios, criaram nos cidadãos uma perceção da segurança que é muito mais consciente e informada, e necessariamente mais exigente.

Apesar de tudo, os fatores mais complexos da equação são a imprevisibilidade, a incerteza e a surpresa das ameaças, com impactos cada vez mais imediatos nas pessoas, bens, organizações, recursos naturais, património, produtos e dados estruturados.

Só uma visão sistémica, dinâmica e pluridisciplinar, permitirá atingir o equilíbrio entre risco e qualidade de vida, onde os diversos conhecimentos técnico-científicos se complementem e onde cada ator e setor da sociedade, possa contribuir para a definição de políticas e programas que possibilitem a prevenção, a preparação e a adaptação das populações face às ameaças emergentes.

ÁREAS TEMÁTICAS

Segurança no trabalho

Segurança e proteção civil

Cibersegurança

Segurança alimentar

Segurança, urbanismo e transportes

Segurança e turismo



Oradores Convidados
Image

Constança Urbano de Sousa

Título da Apresentação:
"Refugiados e movimentos migratórios – Que soluções no contexto Europeu?"


Doutora em Direito Europeu pela Universidade do Sarre, Alemanha. Professora Associada de Direito da União Europeia e Investigadora do Ratio Legis e do OBSERVARE da Universidade Autónoma de Lisboa. É Professora no Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna (com atividade suspensa). É membro e investigadora da Rede Odysseus (Rede Académica de Estudos Jurídicos sobre Imigração e Asilo na Europa), fundada em 1999 e coordenada pelo Instituto de Estudos Europeus da Universidade Livre de Bruxelas (ULB). É, igualmente, professora na Escola de Verão em Direito Europeu de Imigração e Asilo da Universidade Livre de Bruxelas. É deputada à Assembleia da República e membro efetivo da Comissão de Assuntos Europeus. Foi Ministra da Administração Interna (2015-2017) e Conselheira e Coordenadora da Unidade Justiça e Assuntos Internos (JAI) da Representação Permanente de Portugal junto da EU, tendo chefiado a delegação nacional no Comité Estratégico Imigração, Fronteiras e Asilo da União Europeia (2006-2012). É autora de vasta bibliografia no domínio da imigração e asilo, bem como do Espaço de Liberdade, Segurança e Justiça da UE.

Image

Patricia Alexandre Gaspar

Título da Apresentação:
“Desenvolvimento de Capacidades de Prevenção, Preparação e Prontidão – Um Novo Desafio Face aos Desastres”


Licenciada em Relações Internacionais pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas. Serviu na Marinha Portuguesa com atuação específica na área do protocolo e da análise de informações estratégicas. Trabalhou como técnica no Sistema de Informações da Republica Portuguesa. Na ANPC desempenhou funções no Gabinete de Relações Internacionais foi Adjunta de Operações Nacional e Comandante Operacional Distrital de Setúbal. É formadora nacional e internacional na área da proteção civil e encontra-se a frequentar o curso de Auditores de Administração Interna no Centro de Altos Estudos do Ministério do Interior de França. É perita certificada no âmbito do Mecanismo de Protecção Civil da União Europeia e das Nações Unidas, tendo participado em duas missões internacionais e em outras missões de âmbito bilateral. Ocupa atualmente o cargo de 2ª Comandante Operacional Nacional da Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Image

Vera Goldschmidt

Título da Apresentação:
"Mecanismos de Coordenação das Nações Unidas para Emergências e a Resposta a Desastres Ambientais"


Licenciada em direito pela Universidade de Lisboa. Trabalhou no Instituto Nacional de Emergência Médica e na Autoridade Nacional de Proteção Civil. Atual Chefe de Gabinete, Seção de Relações com Doadores - (OCHA).Foi uma perita nacional destacada de Portugal para a Comissão Europeia durante 6 anos, onde trabalhou na Direção Geral ECHO sendo, entre outras tarefas, o ponto focal do Mecanismo de Proteção Civil da UE para as Nações Unidas. Foi Chefe Adjunta do Gabinete de Ligação do OCHA para a UE e a NATO em Bruxelas. Trabalhou como Especialista Regional Sénior de Emergência e Pós-Crise na Organização Internacional para a Migração em Bruxelas, depois de estar na sede como Oficial Global de Proteção Civil do Cluster CCCM. Nomeada Chefe da Unidade Conjunta AMBIENTE / OCHA da ONU (JEU) em abril de 2018.

Image

Adrian Belmonte

Título da Apresentação:
“Exercises and Challenges: Activities for enhancing the security and the response for Internet threats”


Adrian Belmonte é especialista em segurança de redes e informações na ENISA (Agência da União Europeia para Segurança de Redes e Informação). Como Engenheiro de Segurança, implantou e coordenou a Equipa de Resposta a Incidentes de Segurança de Computadores para o Governo Autônomo da Andaluzia (AndaluciaCERT) sendo responsável por uma variedade de atividades técnicas e operacionais diferentes. Depois de se juntar à ENISA em 2015, participa em diferentes projetos relacionados com ameaças emergentes na Internet e tendências de ameaças, gestão de crises cibernéticas e cooperação europeia, como a Cyber Europe e o European Cyber Security Challenge. Adrian Belmonte possui mestrado em Segurança de TI e Comunicações e é graduado como Engenheiro Técnico em Sistemas de Computação.


Image

Lino Santos

Título da Apresentação:
“National Capacity Building”


Lino Santos é 2011, Mestre em Direito e Segurança e Licenciado em Engenharia de Sistemas e Informática. É atualmente Coordenador do Centro Nacional de Cibersegurança; Foi o Coordenador da área de Computação Avançada e Segurança da unidade FCCN da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I. P.; Entre 2014 e 2017 foi o coordenador de operações no Centro Nacional de Cibersegurança; Entre 2000 a 2017, foi coordenador do serviço de resposta a incidentes de segurança informática CERT.PT; Entre 2008 a 2014, foi diretor da área de Segurança e Serviços à Comunidade na FCCN, Fundação para a Computação Científica Nacional.

Image

Pedro Portugal Gaspar

Título da Apresentação:
“Sistemas de Controlo e Plano Nacional de Fiscalização Alimentar”


Pedro Portugal Gaspar é, desde setembro de 2013, Inspetor Geral da Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica (ASAE).
É licenciado em Direito, concluiu o Curso de Pós-graduação em Direito Público e obteve o grau de mestre pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, em 2004, com uma tese na área do Direito Administrativo.
Da sua intensa atividade profissional destacam-se as funções de: Professor auxiliar no Instituto Superior de Humanidades e Tecnologias entre março de 1993 e julho de 2002. Foi docente no Instituto Superior de Línguas e Administração entre 2002 e 2013. É autor e coautor de várias publicações científicas na área do Direito Administrativo, nomeadamente na vertente do Direito do Ambiente. Assessor de vários Membros do Governo, designadamente Pescas, Juventude, Ambiente, Energia e Saúde. Subdiretor-Geral da Direção Geral da Administração Pública entre setembro de 2002 a outubro de 2003. Diretor-Geral do Departamento e Modernização dos Recursos da Saúde de novembro de 2003 a maio de 2005. Inspetor-Geral da Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território entre março de 2012 e dezembro de 2012.

Image

Suleyman Ozarslan

Título da Apresentação:
“Improving Cyber Resilience Against Ever-Changing Threat Landscape”


Suleyman Ozarslan é Doutorado em Sistemas de Informação pela Middle East Technical University. Ele é o fundador e diretor de pesquisa da Picus Security, que desenvolve um software inovador de segurança cibernética que avalia a eficácia dos dispositivos de segurança. Recebeu vários prêmios e medalhas acadêmicas e profissionais ao longo de sua carreira, como o “Prêmio Interativo de Intercâmbio Digital Global do SANS Institute RSA 2016 da NetWars” e a “Medalha do Centro de Excelência de Defesa Contra o Terrorismo”. O Dr. Ozarslan treinou especialistas em segurança de 10 países diferentes nos Cursos de Treino Avançado em Defesa Cibernética da NATO. Suleyman Ozarslan tem 17 anos de experiência em segurança de IT, com foco especial em ameaças cibernéticas, análise de malware, testes de penetração, segurança de aplicativos e dispositivos de segurança. Desde 2002, publicou vários trabalhos acadêmicos sobre segurança da informação. Dr. Ozarslan também prestou serviços de consultoria para muitas organizações governamentais e industriais. Dr. Ozarslan possui vários certificados profissionais, como CEH (Certified Ethical Hacker), OPSA (Analista de Segurança Profissional OSSTMM) e OPST (OSSTMM Professional Security Tester).

Image

Mário Parra da Silva

Título da Apresentação:
“Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU e o seu impacte na SST”


Mário Parra da Silva, Licenciado em Engenharia pelo IST, é atualmente Chair of the Board da Global Compact Network de Portugal, iniciativa da ONU para promover a sustentabilidade e responsabilidade social empresarial. Fundador da APEE – Associação Portuguesa de Ética Empresarial, da qual foi Presidente da Direção entre 2002 e 2016. Liderou a Delegação Portuguesa na elaboração da Norma Internacional de Responsabilidade Social (ISO 26000). Foi Chairman da rede europeia para a Sustentabilidade “Prepare”, entre 2007 e 2009. Mário Parra da Silva detém ainda larga experiência como administrador de empresas de serviços, informática, saúde e imobiliário e reconhecido especialista em gestão estratégica e comercial, ética e responsabilidade social.









Image

Jorge Tomás Henriques

Com um largo percurso profissional ligado ao setor agroalimentar onde se destacam, em 1990, as funções de gestão na Indústria de Águas Minerais tendo sido responsável pelo lançamento do primeiro projeto de engarrafamento e comercialização de águas em embalagem PET no mercado Português. Em 1994, ingressa no Grupo Nestlé, vindo a assumir a Direção Comercial e de Marketing da NESTLÉ WATERS PORTUGAL. Foi Diretor-geral da Mineraqua Portugal – Água Castello, entre 2007 e 2018 O Eng.º José Henriques conta ainda com larga experiência associativa: É membro da Direção da APIAM desde 1997. Entre 2000 e 2009 representou a FIPA no Conselho de Administração da atual FoodDrinkEurope. Foi vice-presidente da FIPA entre 2000 e 2003. Em 2018 foi reeleito presidente da FIPA – Federação das Indústrias Portuguesas Agro-Alimentares, cargo que exerce desde 2003. É atualmente vice-presidente da Direção, membro da Comissão Executiva e presidente do Conselho Setorial do Comércio da CIP.

Image

Janez Mekinc

Título da Apresentação:
"Segurança e Turismo nas Cidades Europeias - Um Estudo de Caso Múltiplo "

Janez Mekinc, professor associado e Diretor da Faculdade de Estudos de Turismo - Turistica, Universidade de Primorska, ex-presidente do tribunal de arbitragem honorária do Código de ética policial, especialista no Conselho da Europa do programa “Polícia e Direitos Humanos”, Especialista do projeto “Segurança e Turismo”, dirigido pelo Fórum Europeu de Segurança Urbana. Trabalhou na polícia eslovena durante 18 anos em diferentes cargos. As áreas do seu trabalho científico são: segurança e proteção no turismo, gestão, ética aplicada e proteção dos direitos humanos e liberdades. É autor de vários trabalhos de pesquisa na área de segurança e proteção no turismo.





Image

Helena Cvikl

Título da Apresentação:
"Segurança e Turismo nas Cidades Europeias - Um Estudo de Caso Múltiplo "

Helena Cvikl, Vice-Presidente da Eurhodip, membro do Conselho Executivo e Juiz Principal de competições europeias dentro da AEHT (Associação Europeia de Escolas de Hotelaria e Turismo), Diretora da Faculdade de Hotelaria e Turismo de Maribor e Professora na Faculdade de Estudos de Turismo em Portorose, Universidade de Primorska, desde 1996 e atualmente trabalha a tempo parcial como Professora na Universidade de Maribor. Helena Cvikl é uma profissional altamente conceituada no campo da qualidade, avaliadora da categorização de instalações de alojamento e restauração e coopera com o Ministério da Economia, Desenvolvimento e Turismo através de vários projetos do campo do turismo e gastronomia.








Image

Jacobo Díaz

Título da Apresentação: "Balanço de duas décadas de êxito de Segurança Rodoviária em Espanha"

Jacobo Díaz é Engenheiro Civil, Canais e Portos pela Universidade Politécnica de Madrid e Mestre em Gestão de Empresas de Construção e Imobiliário. É membro da Associação de estradas espanholas desde 1993 tendo ocupado o cargo de Chefe de Departamento de Estudos entre 1993 e 1996. Foi Diretor Técnico entre 1996 e 2000. Jacobo Díaz assumiu o cargo de Diretor Geral Adjunto entre 2001 e 2006 e é desde 2006 até à atualidade o Diretor Geral da Associação de Estradas Espanholas Foi Presidente do Instituto Ibero-Americano de Estradas. Durante oito anos foi também presidente da Federação Europeia de Rodovias e membro do Comitê Executivo da Federação Internacional de Rodovias. Como professor e palestrante, participou em mais de 30 cursos nacionais e internacionais em segurança viária e já realizou mais de 50 conferências na União Europeia e na América Latina. Além disso, ele foi o principal responsável, como Presidente do Instituto Ibero-Americano de Estradas da Organização dos Congressos Ibero-americanos de Segurança Rodoviária (CISEV), realizado na Costa Rica (2008), Argentina (2010), Colômbia (2012), México ( 2014) e Chile (2016).

Image

Károly György

Título da Apresentação:
"Desafios E Prioridades Em SST Na Europa 2030"


Károly György é Mestre em Engenheira Mecânica. É o Secretário Internacional da Confederação dos Sindicatos da Hungria, responsável pela elaboração e implementação de conceitos políticos e posições sobre questões relacionadas com o mundo do trabalho. Desde 2005, é o Presidente / Vice-Presidente da Agência Europeia para a Segurança e Saúde do Trabalho, porta-voz do grupo de interesse dos trabalhadores. É membro do Comitê Consultivo em Saúde e Segurança no Trabalho. Na última década a suas atividades centraram-se em questões de saúde e segurança do trabalho, políticas da UE em matéria de saúde e segurança no trabalho, reestruturação económica e social e na criação de um ambiente sólido de relações industriais e parcerias sociais a nível nacional e europeu. Nos últimos anos deu especial atenção à ligação de sindicalistas com representantes da segurança no local de trabalho, estabelecendo redes e aumentando a consciencialização no sindicato para assuntos relacionados com SST.


Image

Maria Brás

Maria Brás, Professora e Investigadora do Departamento de Psicologia e Recursos Humanos da Universidade do Algarve - Escola de Gestão, Hotelaria e Turismo (ESGHT). Doutorada em Psicologia pela Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve (FCHS), tese: “Turismo e segurança: efeito da perceção de risco na escolha do destino turístico: o caso do Algarve”. Envolvida na Coordenação Científica de vários Projetos de Investigação em Segurança e Proteção, tais como: "Algarve: Destino Seguro", em parceria com o Ministério da Administração Interna e com o Comando Distrital da PSP de Faro; “Segurança e Proteção das Comunidades Locais”, em parceria com o Ministério da Administração Interna; 1º Curso em “Investigação Criminal e de Segurança”, parceria com o ISCSP (Lisboa) e a Universidade do Algarve.















Image

Martin Böhm

Título da Apresentação:
"C-ROADS - The Platform of Harmonized C_ITS Deployment in Europe and the Portuguese Intervention"


Martin Böhm é o responsável pela Unidade “Tecnologias e Serviços para a Mobilidade” na AustriaTech, uma agência federal para medidas tecnológicas, onde fornece suporte às políticas do Ministério dos Transportes austríaco em questões relacionadas a ITS. É perito nomeado em várias plataformas europeias no que diz respeito à implementação da Diretiva Europeia STI. Como Secretário Geral da Plataforma C-Roads, pretende implementar de forma harmonizada e interoperável os serviços C-ITS em toda a Europa. Além disso, Martin Böhm é ainda presidente do grupo de trabalho BigData dentro da World Road Association PIARC. O principal interesse de Martin é a evolução do sistema de mobilidade com base em tendências gerais (por exemplo, Internet das coisas, mobilidade automatizada conectada cooperativa, mobilidade como serviço). A sua principal especialidade é a pesquisa no campo de Sistemas e Serviços de Transporte Inteligentes para implantações reais. Martin Böhm tem um mestrado na área da Geografia e um mestrado no campo da Gestão de Telemática de Tráfego.





Image

Ricardo Tiago

Título da Apresentação:
"C-ROADS - The Platform of Harmonized C_ITS Deployment in Europe and the Portuguese Intervention"


Licenciado em Eng.º Civil no Perfil de Vias de Comunicação e Transportes, pelo Instituto Superior de engenharia de Lisboa. Iniciou a sua vida profissional em 2004, desempenhando funções na área da sinalização e segurança rodoviária na EP – Estradas de Portugal. De 2008 até 2012, integrou a Direção de Segurança e Qualidade do ex-InIR, exercendo funções igualmente na área da sinalização e segurança rodoviária e no acompanhamento das atividades de operação e manutenção dos vários gestores de infraestruturas rodoviárias. Com a fusão dos 3 institutos InIR / IMTT / IPTM, passou a estar integrado na Direção de Serviços de Gestão de Contratos e Concessões do IMT, e desde 2016 que o seu percurso tem estado mais dirigido para a área nacional e internacional na esfera da dos Sistemas de Transportes Inteligentes e os seus diversos Regulamentos Delegados paras as várias Ações Prioritárias. É o responsável pelo IMT, no acompanhamento do Projeto C-ROADS PORTUGAL, destacando-se o seu envolvimento no sub-projeto para implementação do National Access Point (NAP), em Portugal, sendo ainda o representante nacional em diversos fóruns europeus e grupos de trabalho, nomeadamente: Plataforma Europeia C-ROADS, European ITS Committe; CEDR - Working Group on Connected and Automated Driving, High Level Meetings- Connected and Automated Driving, Datex II (2016 a 2017), AIPCR - T.C. 3.3 - Road Tunnels Operations.

Image

Jorge Gonçalves Maurício

Superintendente-Chefe da Polícia de Segurança Pública (PSP), Comandante do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa. Licenciado em Ciências Policiais pela Escola Superior de Polícia, atual Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna (ISCPSI). Curso de Auditor de Defesa Nacional, em 2015 (Instituto de Defesa Nacional – Lisboa). Desde dezembro de 2013 é Comandante do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa. Entre outubro de 2012 e dezembro de 2013 exerceu as funções de Comandante Distrital da PSP de Faro. Entre abril de 2009 e agosto de 2012 foi o Oficial de Ligação do MAI junto da Embaixada de Portugal na Praia, Cabo Verde. Em 2008/2009 foi responsável pela equipa que produziu o Plano Estratégico do Ministério da Administração Interna de Cabo Verde, no âmbito do Projeto de Cooperação Técnico Policial com Cabo Verde. De abril de 2006 a novembro de 2008 foi Diretor do Departamento de Recursos Humanos da PSP. De janeiro de 2004 a abril de 2006 foi Chefe de Divisão no Departamento de Saúde e Assistência na Doença da PSP. De janeiro de 2002 a janeiro de 2004 foi Comandante do Comando de Beja da PSP. De julho de 1999 a janeiro de 2002 foi Comandante do Comando Equiparado da PSP da Horta.

Programa Geral e Detalhado

Programa Geral Programa Detalhado

Comissões

Comissão Organizadora

Ana Monteiro // ESTeSL
Celeste Serra // ISEL
Cristina Ventura // ISEC Lisboa
Isabel Santos // Revista Segurança
José Simão // ISEL
Lúcio Loureiro // Revista Segurança
Luís Moreira // ISEC Lisboa
Luísa Teles Fortes // ISEL
Marina Reis // ISEC Lisboa
Mónica Gomes // ISEC Lisboa
Nuno Machado Cruz // ISEL
Paulo Gil Martins // ISEC Lisboa
Sofia Reigoto // Revista Segurança
Vítor Manteigas // ESTeSL

Comissões

Comissão Científica

Carlos Gomes de Oliveira // ISEC Lisboa
Alexandre Mosca // Brasil
Ana Paula Oliveira // ISEC Lisboa
António Gaspar da Silva
António Moreno Gómez // Univ. Extremadura
António Nunes // ISEC Lisboa
Benvenuto Gonçalves Júnior // Brasil
Carla Viegas // ESTeSL/IPL
Dalila Lopes // ISEC Lisboa
Dina Chagas // ISEC Lisboa
Elsa Reis Vasco // INSA
Emília Telo // PFN/ACT
Evaldo Valadão // ABEST
Fátima Ramalho // ISEC Lisboa
Fernando Melício // ISEL/IPL
Fernando Oliveira Nunes // ISEL/IPL
Hélder Silva // U. Lusófona
Hélder Simões // ESTeSC/IPC
Henrique Vicêncio // ISEC Lisboa
Hernâni Veloso Neto // IS/UP - ISLA Gaia
Jaques Sherique // CONFEA
João Nogueira Gonçalves
José Gil Estevez // ISEC Lisboa
José Pedro Lopes // ANPC
Lúcia Piedade // ANA
Luís Miguel Barros
Luís Nascimento Lopes // ISEC Lisboa
Manuel João Ribeiro // ISEC Lisboa
Maria Brás // Univ. Algarve
Marta Vasconcelos // ESTeSC/IPC
Miguel Corticeiro Neves // ASVDS
Miguel Pupo Correia // IST/UL
Paula Bispo
Paulo Henriques dos Marques // U. Europeia
Pedro Carrana // ISEC/IPC
Serafin de Abajo Olea // Univ. de León
Sónia Gonçalves // ISCSP-Universidade de Lisboa
Susana Viegas // ESTeSL/IPL
Teresa Cotrim // FMH/UL
Victor Cardoso // ISEC Lisboa
Virgínia Linhares // ISEC Lisboa
Vítor Reis // Câmara Municipal de Sintra

Comissões

Prazos

Call
for Abstracts

3ª Call | Extensão - Envio de Resumos até 30 de março de 2019


Registo e inscrição antecipados

Até 30 de Janeiro de 2019
Data Limite de inscrição: 20 de Abril de 2019

Envio de apresentações em Power Point ou PDF

Até 27 de Abril de 2019


Colocação de Posters

Entrega no momento de check in

CISI

8 a 10 de Maio de 2019

INSCRIÇÕES

3ª Call | Extensão - Envio de resumos
até 30 de março de 2019


Na 3ª CALL os autores devem enviar o Resumo até 30 de março e, após aceitação do mesmo, deverão enviar o artigo até dia 5 de maio de 2019, de modo a que o mesmo possa ser incluído no Livro de Atas. Faça aqui o download do Modelo de Resumo.

As propostas devem ser enviadas à Comissão Científica do CISI através do seguinte endereço de e-mail: ccientifica.cisi@iseclisboa.pt

O resultado da revisão pela Comissão Científica será enviado ao autor.
Os resumos submetidos e aceites pela Comissão Científica são posteriormente indicados para apresentação oral ou em poster.

A apresentação de Comunicações carece de inscrição. O autor deve efetuar a sua inscrição através do formulário online dentro dos prazos indicados abaixo.



REGISTO E PAGAMENTOS



Modalidade Até 30 de janeiro de 2019 Até 20 de Abril de 2019 Garante acesso a

Autores de Comunicações (Oral ou em Poster)

85 € 110 €

REGISTO CIENTÍFICO INTEGRAL: assistência à totalidade do Programa Científico do CISI; apresentação da comunicação aceite; oferta dos Livros de Resumos e de atas; Pasta de documentação; Certificado de participação e de comunicação aceite; Entrada na SEGUREX e Cafés.

Estudantes de Mestrado e/ou Doutoramento Autores de Comunicações (Oral ou em Poster)

70 € 95 €

REGISTO CIENTÍFICO INTEGRAL: assistência à totalidade do Programa Científico do CISI; apresentação da comunicação aceite; oferta dos Livros de Resumos e de atas; Pasta de documentação; Certificado de participação e de comunicação aceite; Entrada na SEGUREX e Cafés.

Assistentes e outros participantes no congresso

70 € 80 €

REGISTO CIENTÍFICO: assistência à totalidade do Programa Científico do CISI; Pasta de documentação; Certificado de participação; Entrada na SEGUREX e Cafés.

Jantar do Congresso

40 € 50 € ---
> Clique aqui para aceder ao Formulário de Inscrição online


NOTA 1 – Os Assinantes da Revista Segurança e os membros das instituições pertencentes à Comissão Organizadora usufruem de 15% de desconto sobre o preço aplicável.

NOTA 2 – A INSCRIÇÂO é finalizada com o envio do comprovativo de pagamento e a indicação no corpo do texto do email do nome completo a que respeita essa inscrição para o endereço de email: geral@revistasegurança.eu



Dados para pagamento através de Transferência Bancária:
PETRICA EDITORES, LDA
NIB 0010 0000 4678 0540 00131
IBAN PT50 0010 0000 4678 0540 00131
SWIFT CODE: BBPIPTPL

CONTACTO TELEFÓNICO
351 21 813 22 81 // 351 21 813 19 44

ARTIGOS

Os autores são convidados a submeter artigos originais para o Congresso.
A submissão dos Artigos para o Congresso deverá ser efetuada para o endereço de email ccientifica.cisi@iseclisboa.pt

REVISÃO:

Cada um dos artigos submetidos a apreciação é reenviado a dois membros da Comissão Científica da Congresso, que os classificarão segundo uma grelha de avaliação pré-determinada. Previamente ao envio para a Comissão Científica é cancelado o nome, afiliação e contacto dos autores, e substituído por um código próprio que será comunicado aos autores e passará, a partir daí, a identificar cada artigo.

Os resultados da avaliação da Comissão Científica serão colocados no site da Congresso para que todos os autores os possam consultar.






PUBLICAÇÃO/DIVULGAÇÃO:

Os artigos aceites para apresentação no Congresso serão alvo de uma dupla publicação, no Livro de Resumos e no Livro de Atas.

O Livro de Resumos será oferecido a todos os participantes inscritos na Congresso, e o Livro de Atas será oferecido a todos os primeiros autores de artigos aprovados.
Posteriormente, quer o Livro de Resumos quer o de Atas serão oferecidos às principais Bibliotecas Universitárias de Portugal.

Faça aqui o download do Modelo de Artigo e da Comunicação em Poster.


Veja aqui a informação referente aos Direitos de Autor e Regras para as Comunicações [ + ]

Faça a sua inscrição através do formulário online

Clique aqui para aceder ao formulário

PATROCINADORES

patrocinios